Brasília sedia 4ª Bienal Brasil do Livro e da Leitura

O Centro de Convenções Ulysses Guimarães recebe, a partir deste sábado (18), a 4ª Bienal Brasil do Livro e da Leitura. Durante o evento, que vai até 26 agosto, cerca de 200 autores devem passar pelo local. Nos nove dias de programação, haverá seminários, debates, lançamentos, palestras e shows musicais. A entrada é gratuita.

A edição deste ano vai homenagear a brasiliense e educadora Gina Vieira Ponte. Ela é a criadora do premiado projeto “Mulheres Inspiradoras”, que incentiva alunos dos ensinos fundamental e médio de escolas públicas a lerem grandes autoras da literatura mundial e brasileira.

Gina Vieira ficará responsável pela palestra de abertura da bienal, no sábado (18), às 19h. Professora efetiva da Secretaria de Estado de Educação do DF desde 1991, a educadora chegou à segunda série do ensino fundamental sem saber ler e, na sala de aula, tentava manter-se invisível para fugir do racismo.

Apesar das dificuldades da vida, ela conquistou autonomia e redefiniu a autoestima com a ajuda de duas mulheres negras: a mãe de Gina, dona Djanira Castro Vieira da Ponte, e a professora Creusa Lima.

“Nasci em uma casa onde não havia livros. A narrativa oral chegou a mim pela minha mãe e literatura, pela sala de aula. Essas duas mulheres negras me trouxeram uma referência do que é ser mulher, de ter coragem para lutar pelo seu espaço.”

Negra, pobre e nascida em Ceilândia, região administrativa com alguns dos índices mais altos de violência do DF, Gina contrariou o que, para as outras meninas ao seu redor, era regra: não engravidou cedo nem abandonou os estudos. Decidiu ser professora.

Depois de 23 anos vendo a falta de representatividade das jovens na escola, Gina desenvolveu o projeto “Mulheres Inspiradoras”. A proposta nasceu após ela enfrentar uma depressão forte por perceber que não conseguia se conectar com os estudantes.

“Os jovens viram as costas para a escola porque a escola vira as costas para o jovem. Vi que as meninas tinham como modelo mulheres objetificadas. Percebi que era necessário mostrar outros modelos de mulheres.”

Hoje, a iniciativa consiste na leitura de sete obras escritas por mulheres, são elas: “A mulher dos pés descalços”; “Ponciá Vincêncio”; “Diário de Bitita”; “Não vou mais lavar os pratos”; “Um verso e mei” e “Metade cara, metade máscara” e “A outra face – história de uma menina afegã”. Atualmente, o projeto é implementado em 41 escolas do DF, e 3 mil estudantes já foram alcançados.

Outros escritores

Entre os diversos autores brasileiros convidados pela bienal, estão:

João Silvério Trevisan. O escritor, referência no ativismo LGBT, venceu três vezes o prêmio Jabuti. No ano passado, lançou “Pai, Pai”, livro de memórias em que faz um doloroso acerto de contas com o próprio pai.

Josélia Aguiar. A jornalista cultural foi curadora da Festa Literária Internacional de Paraty em 2018 e 2017. Atualmente, prepara a biografia do escritor Jorge Amado.

Lourenço Mutarelli. O quadrinista, escritor, ator e dramaturgo é autor de livros como “O Cheiro do Ralo”, “O Teatro de Sombras” e “A Arte de Produzir Efeito sem Causa”.

Matheus Leitão. O jornalista investigativo lançou, no ano passado, a obra “Em nome dos pais”. O livro faz um mergulho no passado obscuro do Brasil para descobrir o que ocorreu com seus pais, os também jornalistas Míriam Leitão e Marcelo Netto, presos e torturados no período da ditadura militar.

Zeca Camargo. O jornalista e um dos apresentadores do programa É de Casa, da TV Globo, escreveu seis livros, como o best-seller “A Fantástica Volta ao Mundo”, “De A-ha a U2: os Bastidores das Entrevistas do Mundo da Música” e “Medida Certa: Como Chegamos Lá”. Na bienal, lançará a biografia da cantora Elza Soares.

Nomes candangos

Também há nomes da capital federal na programação. Clara Arreguy, Bruno Bucis, Jaime Sautchuk, Augusto Rodrigues, Maria Maia e Pablo Amaral Rebello são alguns dos autores candangos que estarão na réplica da celebrada Banca da Conceição.

Uma “cópia” do espaço, que funciona na quadra modelo de Brasília, na 308 Sul, será montada na bienal. Em meio aos jardins concebidos por Burle Marx, essa banca de jornal da escritora Conceição Freitas acolhe lançamentos de livros, encontros com escritores, apresentações musicais e exposições.

A réplica do espaço no Centro de Convenções também atuará como palco dos lançamentos de autores de todo o Distrito Federal, selecionados no início deste ano. Ao todo, 24 obras – poesia, conto, infantil, juvenil, romance, ensaio, biografia e reportagem – serão apresentadas no local.

Time internacional

O nigeriano Chigozie Obioma – do romance “Os Pescadores”, traduzido para 24 idiomas, e que recebeu resenhas positivas em vários jornais do mundo, incluindo “The New York Times” e “The Guardian” – integra o time de nomes internacionais.

Além dele, estão previstas também as presenças do escritor colombiano Juan Gabriel Vásquez, da uruguaia Inés Bortagaray e da chilena Lina Meruane. Todos esses autores estarão pela primeira vez no Brasil.

Programação

Ao longo do encontro, 18 mesas vão debater assuntos como sexualidade, racismo, voz feminina, escrita da periferia, escrita indígena e traduções. A programação completa da 4ª Bienal Brasil do Livro e da Leitura pode ser acompanhada no site do evento. A inciativa tem direção geral de Suzzy Souza e curadoria de Sergio Leo.

Serviço

4ª Bienal Brasil do Livro e da Leitura
Data: de 18 a 26 de agosto
Horário: das 9h às 22h
Local: Centro de Convenções Ulysses Guimarães
Entrada gratuita. Os visitantes, no entanto, precisam fazer um cadastro no site do evento ou na entrada da bienal.

Fonte: G1

Foto: Agência Brasil/Divulgação

Um comentário em “Brasília sedia 4ª Bienal Brasil do Livro e da Leitura

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s